Ao subscrever este formulário concordo com Termos de Utilização e eu li e concordo Termos e condições de Privacidade


Marque Consulta

Consulta de Acupuntura, Medicina Tradicional Chinesa, Fitoterapia e Emagrecimento

Horário:
De segunda a Sexta das 09h00 às 19h00

Telefone já
258828060

Dr Domingos Silva
965524915

Envie  email:
geral@domingossilva.com

Acupuntura nas doenças inflamatórias intestinais

1 ano ago · · 0 comments

Acupuntura nas doenças inflamatórias intestinais

Desde há muito tempo que muitos dos meus pacientes recorrem às minhas clínicas em que para além de outras patologias, abordam ter problemas intestinais e dão-se por vencidos por não encontrarem uma solução terapêutica funcional.

Colite ulcerosa, doença de Crohn, doença inflamatória intestinal ou até síndrome de cólon irritável, quando diagnosticadas, são assumidas como perturbações para o resto da vida, porém existem terapêuticas alternativas que poderão solucionar e aumentar a qualidade do bem-estar.

A medicina chinesa, mais concretamente a acupuntura e a fitoterapia (medicação natural) têm uma grande eficácia na resolução da inflamação intestinal. Sintomas como desconforto abdominal, sensação de pressão na barriga, calor intestinal, cólicas, náuseas, vómitos, aftas, perda de peso, distúrbios oculares, artrite, febre, perda de apetite, diarreia crónica com vestígios de sangue e muito líquida, distúrbios dermatológicos, anemia com deficiência de ferro, fadiga, entre outros, fazem parte do dia a dia de muitas pessoas que tentam contornar estas caraterísticas da sua saúde pessoal.

Temos que nos adaptar e mudar para um mundo mais ecológico e sustentável, como tal, devemos, desde já, iniciar uma consciencialização global de que existem outras formas para resolver problemas de saúde. 

Através de uma breve pesquisa encontrei a seguinte citação:

“Em um estudo realizado na Noruega foi comprovado que o uso da medicina complementar e alternativa é comum entre as pessoas que sofrem de doenças inflamatórias do intestino, o que corresponde a 49% de pessoas referente ao ano anterior em que o estudo foi realizado. Na Espanha, 23% dos pacientes, que sofrem de doenças inflamatórias intestinais, utilizam métodos alternativos.”

Para os amantes da evidência científica poderei ainda citar que no World Journal of Gastroenterology, um jornal de elevado relevo na comunidade médico-científica, a eficácia exemplar do tratamento na doença de Crohn de acupuntura foi de 83,72%, sendo expressiva a redução da inflamação intestinal que se refletiu na redução significativa dos valores de CRP (proteína c-reativa) e ESR (taxa de sedimentação de eritrócitos).

Vejamos agora um caso clínico real de uma das nossas clínicas:

F. Silva, 55 anos, diagnosticado com doença de Crohn há cerca de 13 anos. Após o 5º tratamento, começou a apresentar diminuição da intensidade das diversas sintomatologias. Quando atingiu o 9º tratamento, o mesmo referiu que a sua vida tinha regressado a uma normalidade que já nem se recordava. A sua qualidade de vida pessoal e o bem-estar social deixou de ser um problema tão severo.

“Quase que me esqueço que sofro desta doença!” 

Foi esta a citação que me levou a partilhar, mais uma vez, um pouco do conhecimento sobre medicina chinesa e o quanto pode contribuir de forma natural na resolução de doenças crónicas.

A acupuntura é altamente eficaz quando praticada por profissionais devidamente credenciados e com cédula profissional emitida pela ACSS. Seja livre de optar por tratar dos seus problemas de saúde utilizando terapêuticas desprovidas de efeitos secundários.

Não é demais acrescentar que, no ato terapêutico de excelência, a acupuntura é indolor e, na correta prescrição, a fitoterapia é desprovida de efeitos secundários.

Dr. Hugo Canão
Especialista em Acupuntura e Medicina Chinesa

WhatsApp chat